---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Arraste widgets para dentro do bloco. excluir bloco

  • Apresentação

    "Em agosto de 1877 partiam da Itália os primeiros italianos destinados à recém-criada "Colônia Luiz Alves",fundada neste ano, às margens do rio de mesmo nome, afluente do Itajaí-Açu.No dia 10 de novembro de 1877, ocorreu o desembarque de 311 imigrantes italianos no Porto de Itajaí, vindos do Rio de Janeiro.Dos desembarcados, 79 optaram pela colônia.Os demais permaneceram em Itajaí e insistiam na preferência pela Colônia Brusque. No barracão dos imigrantes, através do intérprete, eram negociados os lotes e acertados os acordos com o Inspetor de Terras, representante da Província e o agente colonizador.(...)Júlio Grothe, responsável pelo núcleo colonial de Luís Alves, num de seus relatos, escreveu que no dia 23 de novembro teve início uma jornada rio acima.
    Em duas embarcações, de propriedade de João Marçal Bastos, os 79 imigrantes italianos (homens, mulheres e crianças) partiram do Itajaí Mirim, onde estavam alojados e naquelas embarcações, empurradas a varejão, subiram o Itajaí-Açu. Nas imediações de Ilhota, entraram na barra do rio Luís Alves. As balsas encaminharam-se para o Rio do Peixe, localidade à foz do mesmo nome, onde, em terras de João Mafra, havia um porto para transporte de madeira. Passando pela foz do Ribeirão das Canoas, as balsas chegaram às proximidades do "Salto Grande".Neste local a viagem foi interrompida porque o rio era intransitável devido às inúmeras quedas. Iniciaram outra jornada, sempre margeando o rio, pelo picadão da mata, em terras de Antônio Pereira Liberato, que os levaria onde estava construído o galpão para imigrantes, com 45 metros de comprimento e 9 de largura, depois mais 15, fechado com tarimbas, com a capacidade para abrigar até 500 pessoas. Esse trajeto foi feito a pé. Os animais cargueiros auxiliavam no transporte dos pertences, como descreveu Júlio Grothe, em seu ofício de 20 de julho de 1877 ao Governo Provincial.
    No dia 29 de novembro de 1877 chegaram os 79 italianos na sede do núcleo colonial, no barracão que ficava numa clareira aberta na mata virgem, na confluência dos rios Luís Alves e Serafim.
    Em 05 de dezembro de 1877 chegaram ao mesmo galpão mais 100 italianos. Esses se juntaram aos outros 79 e, no dia 10 de dezembro, todos foram encaminhados para o Braço Direito e o Primeiro Braço do Norte, à margem esquerda do rio Luís Alves." BOHN, Pe.Antônio Francisco-"Colônia Luiz Alves":Povoamento Italiano e Catolicismo de Imigração:130 anos de história (1877-2007).Blumenau: 3 de Maio,2007.p.5-6

  • IDMS - Índice de Desenvolvimento Municipal Sustentável

    Índice Geral: 0,582

    O IDMS é uma ferramenta para a aplicação do conceito de desenvolvimento municipal sustentável construído a partir de uma série de indicadores considerados fundamentais para diagnosticar o grau de desenvolvimento de um território. Esse índice, ao avaliar o desenvolvimento, configura-se como uma ferramenta de apoio à gestão capaz de evidenciar as prioridades municipais e regionais e situar as municipalidades em relação a um cenário futuro desejável. A sustentabilidade é entendida como o desenvolvimento equilibrado das dimensões Social, Cultural, Ambiental, Econômica e Político-institucional.

    Sociocultural

    0,767

    Econômica

    0,508

    Ambiental

    0,423

    Político Institucional

    0,630